As 10 maiores economias do mundo: Brasil volta para o ranking!

O Brasil agora faz parte novamente do grupo com as 10 maiores economias do mundo! Saiba porque isso aconteceu e confira o ranking completo.

Mapa do Brasil verde e o losango amarelo da bandeira no centro. Ao fundo várias notas de cem reais que representam a volta do Brasil para o ranking com as 10 maiores economias do mundo.

Brasil fecha o trimestre com PIB mais alto e entra novamente no ranking das 10 maiores economias do mundo.

Chegando ao 10º lugar, o país já tem uma sequência de três resultados positivos e o PIB do Brasil fechou em R$ 2,2 trilhões no primeiro trimestre de 2022, de acordo com o IBGE.

Mapa do Brasil verde e o losango amarelo da bandeira no centro. Ao fundo várias notas de cem reais que representam a volta do Brasil para o ranking com as 10 maiores economias do mundo.

Este avanço positivo do PIB brasileiro mostrou um desempenho melhor do que países como por exemplo Coréia do Sul e Reino Unido.

Veja na íntegra os motivos para o Brasil ter voltado para o ranking, quais são os impactos disso na economia, e além disso confira qual é o novo ranking e quais são as expectativas para o país.

PORQUE O BRASIL VOLTOU PARA AS 10 MAIORES ECONOMIAS?

Durante o último ano, o Brasil figurou fora do cenário das 10 maiores potências econômicas do mundo.

Segundo a agência classificadora de risco, Austin Rating, o país saiu do ranking em Março de 2021, quando chegou ao 12º lugar.

Em resumo, a lista das maiores economias do mundo se baseia no PIB dos países, onde uns podem apresentar queda ou crescimento e alguns outros não divulgam os dados de forma correta.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), houve um aumento de 1% no PIB do Brasil neste primeiro trimestre de 2022.

Este crescimento pode ser facilmente explicado por mudanças no setor de serviços, que compõe 70% do PIB brasileiro, principalmente no que se diz respeito a serviços oferecidos para famílias.

De acordo com o site do G1, a coordenadora de contas nacionais do IBGE disse em nota que muitos desses serviços prestados são presenciais e por isso ficaram em baixa no período de pandemia.

Outro fator importante é a grande alta nos preços dos produtos de consumo da população brasileira e das commodities como por exemplo as agrícolas e energéticas.

Por fim, os créditos cedidos pelo governo federal e a diminuição do desemprego também contribuíram bastante para este número ter aumentado.

Homem sorridente, em pé, fazendo sinal de dinheiro com a mão esquerda.

Veja o passo a passo de como fazer o saque-aniversário do FGTS!

números do pib no brasil

Neste primeiro trimestre do ano de 2022, temos um aumento de 1% no PIB brasileiro, e este crescimento representa o terceiro consecutivo.

O consumo das famílias no Brasil é um dos principais motivos do aumento do PIB, isto porque ele aumentou 0,7% neste trimestre em relação ao último trimestre de 2021, segundo o G1.

Apesar desse aumento no consumo, os números poderiam ser ainda maiores, se não fosse a alta da inflação que até então, em 2022, está em 4,29% com base nos dados do IBGE.

Ainda segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, ao final dos primeiros três meses de 2022, o valor do PIB era de R$ 2,2 trilhões, ou seja, 1,7% maior que o mesmo período no ano anterior.

Em matéria, o G1 ressalta que o valor do PIB atual é até mais alto que o do início da pandemia, tendo uma variação de 1,6% para mais.

Por fim, o acumulado de aumentos dos últimos 4 trimestres somam 4,7% de variação positiva.

ranking 10 maiores economias do mundo 2022

Em um cenário econômico de 10 países, frequentemente liderado por Estados Unidos e China, temos agora também o Brasil.

Com base nos dados da agência classificadora de risco, a Austin Rating, o país se encontra em 9º lugar em meio a 32 países, com relação ao desempenho do PIB no último trimestre.

Em contrapartida, quando analisados os valores de PIB, o Brasil possui o décimo maior número entre os países do mundo, ficando então na décima colocação.

Em seguida, confira o ranking dos top 10 países mais bem colocados economicamente e seus respectivos PIBs no período de Janeiro a Março de 2022:

PaísValor do PIB (US$)
1º Estados Unidos25.346,8 trilhões
2º China19.911,6 trilhões
3º Japão4.912,1 trilhões
4º Alemanha4.256,5 trilhões
5º Índia3.354,7 trilhões
6º Reino Unido3.376 trilhões
7º França2.936,7 trilhões
8º Canadá2.221,2 trilhões
9º Itália2.058,3 trilhões
10º Brasil1.833,3 trilhões
Fonte: agência classificadora de riscos Austin Rating
Elaboração: Tabela adaptada pelo autor